Serviço

Curta Brasília – Festival Internacional de Curta-Metragem de Brasília

www.curtabrasilia.com.br
Realização: Sétima Produções Culturais
Contato: [email protected]

Assessoria de Imprensa
Grupo Objetiva
Contato: [email protected]

O Curta Brasília estreia versão virtual em sua nona edição. O Festival está previsto para o período de 17 a 21 de dezembro, estreando formato digital.

Ao longo de oito edições, o festival recebeu 7.053 filmes inscritos de 26 Estados e do DF, com 1.356 inscrições só em 2019. Em 8 anos, foram exibidos quase 700 filmes, sendo 440 curtas nacionais, 125 curtas do DF e 153 curtas internacionais. Trajetória que permite visualizar um alcance significativo.

Ao se aproximar de uma década de existência, o Curta Brasília está consolidado no calendário de festivais de cinema do DF e do Brasil. O número de inscrições recebidas cresce a cada ano e é comparável a outros grandes festivais nacionais e internacionais. Cada vez mais conhecido por realizadores de todo o país, o evento carrega o nome da capital e busca valorizar de maneira expressiva a identidade local.

Ao longo das oito edições do festival, diversos convidados nacionais e internacionais estiveram presentes na capital, entre eles os cineastas homenageados Kleber Mendonça Filho (diretor de filmes como Bacurau e Aquarius), Anna Muylaert (diretora do filme Que horas ela volta?), Cláudio Assis (diretor de filmes como Amarelo Manga e o recente Piedade), além de oficineiros e realizadores de diversos estados brasileiros.

O evento presencial atraiu, em suas últimas edições, a participação do público do DF além de convidados de outras cidades e países – contando com itinerância em diversas Regiões Administrativas além da sede do Cine Brasília. Ao expandir para versão online, o Festival reforça sua missão de valorizar o cinema local, regional e nacional em maior amplitude, dando destaque para obras cinematográficas recentes por meio de inscrições gratuitas e curadoria feita por profissionais da área – sendo de vital importância num momento delicado para as artes no Brasil, no contexto de isolamento social, impedimento de eventos presenciais – tornando o espaço virtual uma vitrine para o cinema atual.

O formato online irá possibilitar, ainda, uma expansão do público ao mobilizar e alcançar pessoas em novos territórios, por todo o país. Tanto os curtas produzidos localmente como o festival em si terão a oportunidade de ir além do público presencial, antes restrito ao espaço físico da sala de cinema, para uma amplitude digital nacional por meio da plataforma virtual de exibição e geolocalização ampliada.

Em 2020, o Festival seguirá com prêmios para a mostra Tesourinha – com filmes do DF – e para a mostra nacional, com títulos selecionados por meio de inscrições. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas através do site curtabrasilia.com.br. Podem se inscrever Curtas produzidos em qualquer formato e gênero, realizados a partir de janeiro de 2019, com duração máxima de 30 minutos, dirigidos por pessoas nascidas ou residentes no Brasil.

Mais uma novidade do 9º Curta Brasília: nesta edição os filmes selecionados receberão cachê de seleção. Em tempos de crise, essa é uma iniciativa para premiar igualitariamente todos os filmes exibidos e distribuir os recursos para mais profissionais do setor audiovisual.