Imagem com a data do evento: 7 a 10 de Dezembro, com entrada franca

MOSTRA PROVOCAÇÕES

16 de dezembro (domingo), às 19h
Duração: 70 minutos

Sessão com curtas-metragens que abordam assuntos polêmicos, sem pudor de expor situações incômodas ou chocantes para provocar reflexões no espectador. A mostra é apresentada pela drag queen Larissa Hollywood.

Cena do curta Não me calam

Não me calam

(PE) 2018. Doc., 15 min Livre

Dir. Barbara Cunha.

Um poético filme ensaio feminista. Lisboa, março de 2018: mulheres marcham contra a desigualdade salarial, gentrificação, violência de gênero e feminicídio.

Cena do curta Estamos todos aqui

Estamos todos aqui

(SP) 2017. Mul., 19 min 14 anos

Dir. Coletivo Bodoque.

Rosa nunca foi Lucas. Expulsa de casa, ela precisa construir seu próprio barraco. O tempo urge enquanto um projeto de expansão do maior porto da América Latina avança, não só sobre Rosa, mas sobre todos os moradores da Favela da Prainha.

Cena do curta Desculpe, me afoguei

Desculpe, me afoguei

(RJ) 2017. Ani., 6 min Livre

Dir. Estúdio Kawakeb.

Criado pelo Estúdio Kawakeb, de Beirute, e pelo Médicos Sem Fronteiras (MSF), o curta é inspirado em uma carta supostamente encontrada no corpo de alguém que se afogou no Mediterrâneo devido às políticas cínicas que prevalecem em nossos dias. Embora não saibamos a verdade sobre a autoria da carta, sabemos que o que ela descreve é real.

Cena do curta Vidas cinzas

Vidas cinzas

(RJ) 2017. Doc., 15 min Livre

Dir. Leonardo Martinelli.

Um falso documentário sobre a atual crise social, política e econômica no Brasil, onde o governo corta as cores do Rio de Janeiro, deixando a cidade em preto e branco.

Cena do curta Do outro lado

Do outro lado

(SP) 2018. Fic., 14 min Livre

Dir. Bob Yang e Frederico Evaristo. Com Chang Hsi Oh.

Às vésperas de uma importante decisão, a juíza da Corte Suprema de Taiwan recebe uma carta inesperada.