Imagem com a data do evento: 7 a 10 de Dezembro, com entrada franca
Cena do curta Última – Moabe

Última – Moabe

(DF) 2017. Fic., 4 min Livre

Dir. Paulo Ottoni.

Um processo demasiado depressivo, exagerado e fugaz de um fim de relacionamento.

Cena do curta Oxy – Pride

Oxy – Pride

(DF) 2017. Fic., 4 min Livre

Dir. Gabriel Sudré.

Uma garota que não sabe a própria identidade está perdida e tenta encontrar a chave para casa. No meio desta trajetória, pessoas a perseguem e a tiram da realidade.

Cena do curta Pátria armada – Zamaster

Pátria armada – Zamaster

(DF) 2017. Fic., 4 min Livre

Dir. Lyanna Soares.

Um morador de rua observa o caos em uma manifestação política na Esplanada dos Ministérios. Sem rumo, encontra uma pessoa que o ajuda a melhorar sua situação, dando roupas novas e uma oportunidade de obter renda no projeto social de uma revista de Brasília.

Cena do curta O sol da seca

O sol da seca

(DF) 2017. Fic., 16 min Livre

Dir. Erica Oliveira.

Caio, um jovem de 28 anos, leva uma vida sem graça ao lado de sua namorada, Renata, até que ela resolve viajar para o exterior. Caio se vê sozinho por semanas e então conhece Guilherme, um garoto encantador, gay e que o apresenta a seu mundo. Caio e Guilherme se apaixonam aos poucos.

Cena do curta O que vão dizer de nós?

O que vão dizer de nós?

(DF) 2017. Fic., 14 min Livre

Dir. Nabia Lima.

Em tempos de desapego, amar e demonstrar afeto parece inimaginável, imagina amar alguém do mesmo sexo e não poder demostrar carinho? Este documentário é para todos aqueles que acredita que a única regra no amor é não ter regras.

Cena do curta Nas asas do traçado

Nas asas do traçado

(DF) 2017. Fic., 7 min Livre

Dir. Laura Catharina.

Julia é uma roteirista que se depara com um bloqueio criativo às vésperas de entregar um trabalho. A misteriosa Luana aparentemente sabe sobre a vida de Júlia. O encontro das duas as leva a dar um passeio pelas quadras de Brasília, onde poderão ver inspirações em lugares rotineiros.

Cena do curta Desencontro marcado

Desencontro marcado

(DF) 2017. Fic., 7 min Livre

Dir. Felipe Cavalcante Fialho.

Jonas é um nerd apaixonado por Julie, sua colega de trabalho. Decidido a enfrentar a vergonha, Jonas marca um encontro com ela. No entanto, o caminho para chegar ao local marcado não será habitual.

Cena do curta Frio – San Lunes

Frio – San Lunes

(DF) 2017. Fic., 5 min Livre

Dir. Marina Lima.

Todas as formas de amor são possíveis. Um trisal se beija, uma menina se masturba e um casal gay dança. No final, todos estão juntos em perfeita sintonia.

Cena do curta Dançarina de Brasília – Pedro Quadros

Dançarina de Brasília – Pedro Quadros

(DF) 2017. Fic., 3 min Livre

Dir. Rosa Morbach.

O videoclipe segue as dificuldades e anseios de uma dançarina buscando atenção e reconhecimento.

Cena do curta Costal

Costal

(DF) 2017. Fic., 11 min Livre

Dir. Ariel Pirangy.

O filme interativo retrata um jogo intenso de caça, fuga e combate entre uma habilidosa detetive e um sanguinário assassino. Costal nos coloca na pele da detetive em uma situação de extremo perigo: ela acaba de acordar aprisionada por seu algoz, que se delicia a cada momento antes de assassiná-la.

Cena do curta Asé Omanõmo – Ronchi

Asé Omanõmo – Ronchi

(DF) 2017. Fic., 9 min Livre

Dir. Matheus Ronchi.

Um espirito da floresta, representado por uma índia, e um espirito da cidade, representado por um homem, entram em luta por território quando o homem quer transformar a floresta em cidade.

Cena do curta Ao entardecer

Ao entardecer

(DF) 2016. Fic., 13 min Livre

Dir. Matheus Velloso.

Dois irmãos, Carol e Davi, são levados a morar precariamente com sua tia, uma senhora que sempre viveu sozinha e que não tem muitas condições de cuidar deles. Os irmãos cuidam um do outro, contando com a ajuda de um amigo imaginário, um monstro grande e peludo que vai protegê-los e ensiná-los a superar as dificuldades com ternura e esperança.

Cena do curta Amizade de Ellen

Amizade de Ellen

(DF) 2015. Fic., 25 min Livre

Dir. Jéssica Alencar e João Rabelo.

Ellen, tímida e solitária, vê em Camila uma forma de exteriorizar seus sentimentos mais profundos e impulsivos. Camila sempre aparece nos momentos em que Ellen está só, mas Camila é bem crível para Ellen – bem como para o espectador, na maior parte do filme – e ela acredita na existência dela.

Cena do curta Dois mundos

Dois mundos

(RJ) 2014. Doc., 16 min Livre

Dir. Thereza Jesseuroun.

Para os surdos, existem dois mundos: o mundo do silêncio e o mundo sonoro. Este filme é sobre a experiência com o mundo sonoro dos surdos que transitam entre os dois mundos.

Cena do curta A menina do algodão

A menina do algodão

(PE) 2002. Doc. Fic., 6 min 12 anos

Dir. Daniel Bandeira e Kleber Mendonça Filho. Com Daniel Bandeira e Ediane Cristine da Silva.

A lenda da garotinha morta que aterrorizou crianças nas escolas do Recife, nos anos 70.

Cena do curta Vinil verde

Vinil verde

(PE) 2004. Fic., 16 min Livre

Dir. Kleber Mendonça Filho. Com Gabriela Souza, Ivan Soares e Verônica Alves.

Mãe dá à filha uma caixa cheia de velhos disquinhos coloridos. A menina pode ouvi-los, exceto o vinil verde.

Cena do curta Eletrodoméstica

Eletrodoméstica

(PE) 2005. Fic., 22 min Livre

Dir. Kleber Mendonça Filho. Com Gabriela Souza, Magdales Alves e Pedro Bandeira.

Classe média, anos 90, 220 Volts.

Cena do curta Noite de sexta, manhã de sábado

Noite de sexta, manhã de sábado

(PE) 2006. Fic., 16 min Livre

Dir. Kleber Mendonça Filho. Com Bohdana Smyrnova e Pedro Sotero.

Homem encontra mulher.

Cena do curta Recife frio

Recife frio

(PE) 2009. Fic., 25 min Livre

Dir. Kleber Mendonça Filho.

A cidade brasileira de Recife, que já foi tropical, agora é fria, chuvosa e triste, depois de passar por uma desconhecida mudança climática.

Cena do curta A Copa do Mundo no Recife

A Copa do Mundo no Recife

(PE) 2014. Doc., 15 min 12 anos

Dir. Kleber Mendonça Filho.

Recife, passando por tantas mudanças, foi cenário de uma festa de alegria e tensão, esportiva e política. Uma experiência feliz, mas repleta das contradições que fazem o Brasil ser o Brasil e aqui ganha a cara e o espaço do Recife.

Cena do curta Nimbus, o caçador de nuvens

Nimbus, o caçador de nuvens

(MG) 2016. Ani., 15 min Livre

Dir. Marco Nick.

Durante uma tempestade, Nimbus se aventura pela floresta para capturar nuvens imensas e furiosas.

Cena do curta UrSortudo

UrSortudo

(DF) 2016. Fic., 15 min Livre

Dir. Januário Jr.. Com Elder de Paula, Silvia Paes, Jefferson Leão, Yasmin Sophia.

Aos Naldos resta viver com as sequelas dos equívocos gerados pelas ações desse “estado de exceção” permanente que encarcera, por engano, e não sabe o porquê. Aos demais, um pouco de leniência com aqueles que agora são falsos criminosos.

Cena do curta Médico de monstro

Médico de monstro

(SP) 2017. Fic., 11 min Livre

Dir. Gustavo Teixeira.

Dudu já escolheu sua futura profissão, agora terá que enfrentar seus medos para se tornar um médico de monstros.

Cena do curta O Menino Leão e a Menina Coruja

O Menino Leão e a Menina Coruja

(DF) 2017. Fic., 16 min Livre

Dir. Renan Montenegro. Com João Pedro Fraim, Mariah de Andrade Praia, Daniel dos Santos Costa e Eliana Carneiro.

No universo das pessoas-animais, seres misturam características humanas com as de outro animal. Quando filhotes, eles precisam estudar na Escola Filhote Selvagem, um lugar aonde o aprendizado vai muito além da sala de aula.

Cena do curta Ouça meus sinais (Hear my signs)

Ouça meus sinais (Hear my signs)

(Inglaterra) 2016. Fic., 13 min Livre

Dir. Floyd C. Konde.

Uma jovem e solitária surda faz amizade com outro jovem surdo, mas nem tudo é o que parece.

Cena do curta Sinais de um caso (Signs of an affair)

Sinais de um caso (Signs of an affair)

(Inglaterra) 2016. Fic., 28 min Livre

Dir. Louis Neething.

Uma comédia de humor negro sobre Flora, que suspeita que seu marido há 21 anos está tramando algo.

Cena do curta Mundinho (Little world)

Mundinho (Little world)

(Inglaterra) 2012. Ani., 8 min Livre

Dir. Becky Bailey.

A vida de uma jovem surda em um internato vitoriano. Criado por animadores de várias partes do mundo, Mundinho foi comparado ao clássico animado Persépolis e ganhou prêmios por sua narrativa experimental.

Cena do curta Campo

Campo

(Uruguai) 2012. Fic., 10 min Livre

Dir. Natalia Espasandín.

De forma singela, o curta-metragem apresenta um causo contado entre amigas surdas ao redor de uma lareira.

Cena do curta Da favela para a cena (Des favelas à la scène)

Da favela para a cena (Des favelas à la scène)

(França) 2017. Doc., 27 min Livre

Dir. Béatrice Bakhti.

O Brasil foi o país homenageado na edição de 2017 do Festival Clin d’oeil (“piscada de olho”, em francês), evento que reúne, a cada dois anos, milhares de pessoas surdas de todo o mundo na cidade de Reims. A partir da visita de um grupo de teatro composto por atores surdos brasileiros, o documentário visita a comunidade de Cidade de Deus, no Rio de Janeiro, para conhecer a realidade do local de onde vieram os atores. Uma coprodução França-Suiça

Cena do curta Mercadoria

Mercadoria

(RJ) 2017. Fic., 15 min 14 anos

Dir. Carla Villa-Lobos. Com Adriana Dehoul, Aline Mendes, Bárbara Aires, Indira Nascimento, Ingrid Klug, Paula Malheiros, Roberta Bahia.

A partir da chegada de uma novata, seis mulheres compartilham suas experiências, desejos e medos no trabalho com a prostituição.